Como comprar uma empresa pronta

Alguns empreendedores consideram que comprar uma empresa pronta traz facilidades e representa um risco menor do que começar uma empresa do zero. Outros tem dúvidas de como avaliar as vantagens e desvantagens deste tipo de negociação. Acompanhe quais são os principais aspectos a levar em conta para fazer a escolha certa.

Se você tem a intenção de comprar uma empresa pronta, deve ter certeza de que fez a escolha certa para investir seu capital. Selecionamos algumas dicas de como avaliar as vantagens e desvantagens de comprar uma empresa que já existe. Acompanhe:

Vantagens de comprar uma empresa pronta

Há muitas características favoráveis para investir em um negócio que já existe, como uma enorme redução dos custos iniciais de abertura, que incluem taxas e a compra de materiais, móveis, estoque, dentre outros itens.

Além disso, é possível aproveitar o fluxo de caixa, os créditos e o estoque já existentes para levar as operações adiante.

Tudo sem contar que, se a empresa já conta com um bom nome no mercado, fica mais fácil seguir alavancando o sucesso do negócio.

Desvantagens de comprar uma empresa pronta

Dentre as desvantagens de comprar uma empresa que já existe está o valor do investimento, que pode ser bem alto e até maior do que o custo para começar um negócio do zero.

No valor do investimento em uma empresa pronta já constam a carteira de clientes, o número de funcionários e custos trabalhistas, por exemplo. E ainda é preciso ficar atento para descobrir se não há outros problemas ocultos, como dívidas que talvez você não tenha condições de quitar.

Outros dados importantes a analisar se referem a licenças e autorizações para operar, que tem relação direta com o tipo de negócio e devem seguir as regras do estado onde a empresa está instalada. Por isso é preciso verificar se a empresa está em dia com todas as licenças.

Uma dica fundamental é verificar se a empresa está localizada em um lugar em que é permitido exercer as atividades, conferindo as leis básicas do município para checar se está operando dentro das normas de zoneamento.

Por exemplo: uma empresa que produz materiais de construção como pisos, não pode se instalar em um bairro residencial produzindo barulho, poeira e tráfego de veículos intenso onde existem moradias ao seu redor.

Como analisar uma empresa pronta antes de comprar

Agora que você conhece algumas vantagens e desvantagens de comprar uma empresa pronta, abaixo relacionamos alguns aspectos a analisar antes de fechar negócio:

1. Feche um acordo de confidencialidade
Isso indica que você não usará as informações sigilosas da empresa em questão para qualquer outra finalidade que não seja a tomada de decisões sobre compra-la ou não.

2. Verifique concessões e contratos em vigor
Se a empresa que você está analisando já possui algum contrato de concessão ou um arrendamento atual para o local onde está instalada, esteja ciente de que você terá duas escolhas: assumir os pactos existentes ou negociar novos contratos.

3. Revise declarações de impostos
Analise as declarações fiscais da empresa nos últimos cinco anos. Isso irá ajudá-lo a verificar a rentabilidade real do negócio e ficar ciente de qualquer tipo de responsabilidade fiscais e dívidas.

4. Analise documentos importantes
Existem inúmeros documentos importantes de uma empresa pronta a analisar antes de fechar negócio. Por exemplo: documentos de propriedade, patentes e marcas, registros de compra e venda, lista de clientes, veículos que compõem a frota quando for o caso, quantidade de empregados, registros e livros da contabilidade, dentre outros.

5. Conte com ajuda profissional
Para analisar documentos legais, conte com a ajuda de um advogado e, para verificar a contabilidade geral da empresa existente promovendo uma avaliação completa da situação financeira desta, contrate um contador. Estes passos são fundamentais para que você tenha plena ciência de tudo o que irá assumir quando fechar a compra da empresa.

Prepare o contrato de compra e venda

Se você já analisou tudo o que precisava antes de comprar uma empresa pronta e decidiu que este é o melhor negócio, o próximo passo é preparar o Contrato de Compra e Venda. No contrato, devem constar dados fundamentais, como:

  • Preço de aquisição: inclui todos os itens que você estará comprando e assumindo, como veículos, estoque, aluguel e o inventário até a data de fechamento do negócio;
  • Patentes e marcas: se houverem, verifique a necessidade de transferir estes direitos antes de completar a transação;
  • Acordos de permanência/consulta: se o vendedor está disposto a permanecer no negócio por um determinado período, é preciso deixar esta informação clara no contrato.

Deixe seu comentário

Atenção : Os comentários abaixo são de inteira responsabilidade de seus respectivos autores e não representam, necessariamente, a opinião do Passando o Ponto.